Polimento de moldes de injeção

Para a indústria de moldes e matrizes

A EMPRESA

O cliente é uma empresa dedicada à conceção, fabrico, manutenção e renovação de moldes de injeção para indústrias de ponta, como dispositivos médicos, óticas ou embalagens, que requerem acabamento de alto brilho.

O PROBLEMA

Antes de contactar a GPAINNOVA, a empresa polia manualmente, pois não existia nenhum método de polimento automatizado capaz de atingir a qualidade e a precisão exigidas. O polimento manual é um método abrasivo que envolve a utilização de lixa, pedra de óleo, roda de feltro, pasta abrasiva, espátula de liga metálica, agulha de moagem de diamante, bambu, pedra de amolar de fibra e máquina de moagem rotativa redonda, resultando num acabamento inconsistente em todo o molde e apresentando um maior risco de deformação da ferramenta, alteração do tamanho ou da geometria, ou outros efeitos relacionados com o processo de polimento. Além disso, esta circunstância implicava custos de mão de obra elevados e um tempo de polimento excessivo.

O OBJETIVO

O cliente procurava melhorar a capacidade e qualidade de produção e reduzir o custo de polimento de moldes de injeção de plástico. A organização precisava de polir os moldes para obter maior qualidade e ciclos de vida mais longos, reduzindo assim os custos de renovação e manutenção;

Relativamente ao objetivo de polimento, pretendia-se obter um acabamento de superfície espelhado e uma redução significativa da rugosidade para atingir um objetivo de Ra de 0,05 micrómetros, incluindo em ranhuras estreitas, preservando o raio das arestas vivas externas e internas inalteradas.

A SOLUÇÃO

A GPAINNOVA conseguiu atingir com sucesso as especificações técnicas da superfície, minimizando o tempo e o custo total do processo. Estas especificações técnicas incluíam a obtenção de um polimento de alto brilho no molde para reduzir a textura da superfície das peças injectadas, a prevenção de falhas prematuras e da corrosão e a manutenção de tolerâncias apertadas.

Os engenheiros substituíram efetivamente o anterior processo de polimento manual pelo sistema de acabamento de superfícies DLyte, totalmente automatizado. Esta transição resultou em resultados consistentes em todos os lotes, na obtenção do objetivo de rugosidade desejado, no aumento da vida útil das peças tratadas e na produção de componentes biocompatíveis.

A poupança de tempo com a DLyte foi significativa. Com base no tempo de processamento de 124 minutos, a tecnologia DryLyte conseguiu obter um acabamento de superfície de alta qualidade para um lote de 16 peças.

11_procés

Está interessado em saber sobre o aumento da produção, a comparação dos custos por peça anteriores e atuais ou como o DLyte pode impulsionar o seu negócio? Descarregue agora o nosso estudo de caso gratuito!

    11_injection molding

    BENEFÍCIOS TÉCNICOS

    01. Preservação da geometria e as tolerâncias e resultados homogéneos em toda a peça
    02. Melhor na turma em relação à rugosidade superficial (Ra abaixo de 0,05 micrômetros)
    03. Resultados estáveis entre diferentes lotes na vida útil do eletrólito
    04. Vida útil mais longa para as peças tratadas
    05. Biocompatibilidade comprovada

    BENEFÍCIOS OPERACIONAIS

    01. Impacto reduzido
    02. Redução de tempo e custos
    03. Exposição dos trabalhadores durante o processo e manutenção
    04. Manuseamento e armazenamento do eletrólito
    05. Não há necessidade de processos de várias etapas
    06. Fácil gestão de resíduos

      Pronto para impulsionar o seu negócio? Contacte-nos para obter a solução ideal através das nossas máquinas, tecnologias e parcerias.