Serras de corte de ossos por ultra-sons para rebarbação

Para a indústria de dispositivos médicos

A EMPRESA

O cliente é um fabricante de instrumentos odontológicos e cirúrgicos médicos com sede na UE. É especializado no fabrico de instrumentos cirúrgicos de alto valor. A empresa implementa novos projetos, materiais e métodos de produção para melhorar os produtos e cumprir os altos padrões exigidos na indústria de dispositivos médicos.

O PROBLEMA

O acabamento tradicional da superfície de instrumentos médicos, especialmente aqueles como as serras de corte de ossos por ultra-sons que exigem tolerâncias apertadas e a preservação de arestas afiadas, envolve predominantemente processos manuais. No entanto, estes métodos consomem muito tempo e são inconsistentes em termos de qualidade, uma vez que dependem fortemente das competências de cada técnico.

O processo anterior utilizado pelo cliente (rebarbação manual) tinha várias desvantagens, incluindo custos elevados e tempo de processo prolongado. Além disso, apresentava inconsistência e rebarbação irregular, o que poderia resultar em sucata de peças ou falha prematura. Além disso, os trabalhadores foram expostos a toxinas durante a operação de rebarbação, o que representa riscos para a saúde. Além disso, o estrangulamento da rebarbação manual levou a longos prazos de entrega.

sc-009-cutting-saws

O OBJETIVO

O cliente estava a procurar uma solução eficaz, econômica e respeitosa com o meio ambiente para rebarbar instrumentos cirúrgicos, especialmente serras ultrassônicas para odontologia fabricadas por fresagem. O cliente queria melhorar a qualidade e reduzir os prazos de entrega devido ao tempo atual do processo e alta taxa de demolição por causa da inconsistência.

A SOLUÇÃO

A GPAINNOVA desenvolveu com sucesso o processo ideal para atingir as especificações técnicas exigidas para uma superfície, minimizando tanto o tempo total do processo como os custos. Isto implica o cumprimento de critérios rigorosos, tais como tolerâncias precisas, capacidades antiaderentes, biocompatibilidade, remoção de rebarbas e aumento da resistência à corrosão. Especificamente, a solução proposta substituiu um procedimento de polimento manual prolongado que consumia 2 minutos por peça por uma alternativa automatizada, que requer apenas 4 minutos para um lote de 16 peças. O resultado foi uma abordagem economicamente mais viável que, ao mesmo tempo, aumenta a produção.

Isto foi conseguido garantindo a biocompatibilidade das serras tratadas e estabelecendo uniformidade, reprodutibilidade e previsibilidade em lotes distintos de componentes.

sc_009_DLyte_100PRO

Está interessado em saber sobre o aumento da produção, a comparação dos custos por peça anteriores e atuais ou como o DLyte pode impulsionar o seu negócio? Descarregue agora o nosso estudo de caso gratuito!

    009_proceso_dlyte
    009_cutting-saws
    image3 1

    BENEFÍCIOS TÉCNICOS

    01. Preservação da geometria e as tolerâncias e resultados homogéneos em toda a peça
    02. Vida útil mais longa para as peças tratadas
    03. Biocompatibilidade e não citotoxicidade comprovada
    04. Desenhos complexos tratados com precisão
    05. Melhor nitidez

    BENEFÍCIOS OPERACIONAIS

    01. Impacto reduzido
    02. Redução de tempo e custos
    03. Exposição dos trabalhadores durante o processo e manutenção
    04. Manuseamento e armazenamento do eletrólito
    05. Não há necessidade de processos de várias etapas
    06. Fácil gestão de resíduos

      Pronto para impulsionar o seu negócio? Contacte-nos para obter a solução ideal através das nossas máquinas, tecnologias e parcerias.

      Mantenha-se atualizado com as últimas inovações no mundo do acabamento de superfícies metálicas, subscrevendo a nossa newsletter.